quinta-feira, agosto 10, 2006

Explosivo líquido, salve-se quem puder...

A policia britânica anunciou que desbaratou um complô terrorista para explodir pelo menos dez aviões em pleno vôo, e realizou também 21 detenções em Londres. Segundo o comunicado, um total de 302 vôos com destino o aeroporto londrino haviam sido cancelados até às 16 horas da tarde. O ministro do Interior, John Reid, afirmou que o plano terrorista era "complexo" e de uma "escala sem precedentes". O subsecretário de Scotland Yard, Paul Stephenson, informou hoje em conferência com a imprensa que a polícia descobriu que o principal objetivo do grupo era ingressar com explosivos líquidos em bagagens de mãos e fazê-lo detonar dentro do avião em pleno vôo. "É muito mais fácil levar um líquido explosivo e misturá-lo com outro produto, para criar uma bomba muito potente”, declarou David Hill, um ex-agente antiterrorista do Esquadrão Nacional Contra o Crime, e atual assessor do grupo de segurança Red24.

Com a globalização pessoas de todas as partes do mundo se aproximam cada vez mais, e incrivelmente o mundo apresenta uma fragilidade crescente quando se trata de segurança...
O terrorismo é uma chaga que expõe as mazelas de décadas de pauperização e abandono por parte do Ocidente em relação ao Oriente e regiões nas quais o fundamentalismo religioso prosperou na esteira de clichês criados pelo gênio ianque... Satanizamos o islamismo, afastamos os irmãos árabes, e aprofundou-se o estranhamento...
O mundo globalizado não consegue ocultar a divisão que sangra às escâncaras - de um lado os pobres e de outro os ricos, e o mundo se tornou mais inseguro.

13 comentários:

xienra disse...

Quería agradecerte tu visita, siempre hace ilusión recibir comentarios sobre todo cuando vienen de un pais tan hermoso como es Brasil. Una de mis asignaturas pendientes, he jurado que un dia ire y pienso cumplir...

Mientras tanto aprovecharé para ir cono conociendo a traves de tu blog, a ver si consigo "falar portugues"...

Respecto a lo que dices en el post estoy totalmente de acuerdo, tantas diferencias y tanta indiferencia no pueden traernos nada bueno.

Un abrazo cordial desde España.

citadinokane disse...

Xienra,
Haveremos de construir um mundo diferente(melhor) para as futuras gerações, a tarefa começa agora.
Sempre irei visitar-te, muito obrigado pela visita e quiçá possamos compartilhar novas idéias.
Um abraço fraterno,
Pedro

Navi Leinad disse...

Estamos em um mundo onde a evolução moral ocorre de maneira bastante lenta. Damos mais importância para as nossas provações individuais e esquecemos que a provação maior é amar ao próximo como a si próprio. O exemplo disso foi dado por Cristo há 2000 anos, mas a imperfeição do nosso ser nos faz tendenciosos às vicissitudes da vida material e à simples satisfação do ego.
Que as boas vibrações de quem busca o bem nos influencie sempre em nossa jornada terrestre!

citadinokane disse...

Ivan,
Um mundo confuso se apresenta para todos, amor e ódio de mãos dadas...
Um abraço irmão,
Pedro

Tozé Franco disse...

Faz-me muita impressão que, num mundo cada vez mais globalizado, onde o conhecimento dos outros deveria ser maior, se aswista a um crescimento da intolerância e do redicalismo religioso.
Há que pôr fim a isto.

incondicional disse...

Holas, creo que el mundo ha perdido la cordura, tengo esperanza en que pueda cambiar y dejar algo mejor para generaciones venideras.

Gracias por el link, yo no los pongo, demasiado movimiento y me da pereza poner y quitar.

Saludos.

citadinokane disse...

Xana,
Seguiremos buscando transformar as mazelas do mundo...
Nós acreditamos que o mundo pode ser diferente.
Volte sempre,
Pedro

marisanblog disse...

O que podemos ver é que não estamos distantes nem um pouco de tudo isso, e é lamentável que cada vez mais as pessoas permitem que o ódio e a maldade invadam seus corações passando a ter comportamentos agressivos com a sociedade. O nosso País também precisa acordar para isso.

Mari

citadinokane disse...

Mari,
O ódio e o amor andam de mãos dadas...

marisanblog disse...

Pedro, não me deixe confusa. Embora digam, na minha opinião acho que há controvérsias.

Mari

citadinokane disse...

Mari,
Já ouvir um terapeuta falar que o ódio é o amor adoecido, seria o outro lado da moeda, que neste caso chamamos de VIDA.
abs,
Pedro

marisanblog disse...

Pensando bem, em algumas situações já constatadas por mim, mas não em mim, tens razão. Devemos estar atentos.

Marinês

citadinokane disse...

Bem atentos...