domingo, agosto 06, 2006

Onanistas juramentados


Ontem em Londres um grupo de 250 pessoas participou de um ato no mínimo estranho, uma masturbação coletiva... O que antes era solitário e negado, ontem se revestiu de publicidade, virou uma festa, com direito a uivos, gemidos e gritinhos... O objetivo da manifestação foi arrecadar fundos para grupos voltados para a educação sexual.
O evento teve o apoio da agência de saúde sexual Marie Stopes International, foi realizado em um estúdio fotográfico no centro de Londres.
Segundo os organizadores no interior do estúdio havia quartos individuais para os participantes do ato, que recebeu o título de "Wank-A-Thon" e foi inspirado em outro similar que acontece a cada cinco anos em San Francisco (EUA) denominado "Masturbate-A-Thon".
Uma companhia de produção independente ficou responsável de filmar as 250 pessoas em flagrante, para a feitura de um documentário que depois será transmitido pelo "Canal 4" da televisão britânica no final do ano.

Cabe um rápido comentário, há alguns anos, estava eu, Tico Futrika e o genitor do mesmo em um boteco, era um domingo de manhã, quase na hora do almoço, conhecemos um artista plástico (muito premiado na cidade) que estava sentado à mesa ao lado da nossa.
O papo estava muito descontraído, leve, gostoso mesmo, aí o artista perguntou de supetão se nós gostávamos de masturbação... O silêncio se seguiu... Ficamos atônitos, embasbacados, o mal-estar foi cortado pelo próprio artista, sorrindo ele disse que era uma maravilha, o amigo Tico ficou com um brilho no olhar e quando ia falar, o pai dele deu uma cortada certeira: "Vamos mudar o rumo dessa pôrra!" Todos nós caimos na gargalhada e passamos a falar mal dos políticos.

6 comentários:

Tozé Franco disse...

Obrigado pela sua visita ao meu blogue
Estive a ver o seu e quero felicitá-lo por ele.
Hoje em dia tudo é "arte".
Uma vez assisti a um performance em que o "artista" se limitava com um peixe espada preso na boca, a bater com ele nas pessoas. Pena não ter uma foto.
Um abraço e até um dis destes.

citadinokane disse...

Tozé,
Visitar o seu blog foi um prazer, sem contar que as informações históricas nos enriquece bastante.
Volte sempre e um forte abraço,
Pedro

Xico Rocha disse...

Caro Pedro, o fato não é inédito para mim, que por muito tempo, e ainda muito que esporádicamente, pratico o chamado pecado solitário.
Lá pelos idos de 70, eu e alguns amigos participamos de um campeonato de bronha, e lá foi feito só por prazer.
Como diz Eclesiaste: "nada há de novo de baixo do sol.
Xico Rocha

Direito & Esquerdo disse...

Caro Nelito,

Realmente não dá para contar tudo o que foi conversado naquela manhã.
Abs
Bruno

citadinokane disse...

Intimorato Xico,
Estamos num mundo dito civilizado, não cabe mais a "vindita", isto é, "fazer justiça com as próprias mãos"... Sei que no passado distante vosmecê e o locobueres eram arrojados nessas práticas, diria o Cardeal Mazarin em seu "Breviário dos Políticos": Não mostres a ninguém os objetos preciosos que possuis - ninguém jamais terá a idéia de os pedir a ti.
A palma direita do locobueres é cabeluda pra caramba...
Um abraço hermano,
Pedro

citadinokane disse...

Soeiro,
Poderíamos falar mais alguma coisa?!
Cala-te boca.
Um abraço irmãozinho,
Pedro