sexta-feira, setembro 08, 2006

Cachorrinho, onde estás?!

Lembrei de uma aluna que adorava cachorros, não só adorava como criava os canídeos. Os cachorrinhos eram frágeis não lembro o nome da raça, sempre que alguém a procurava para comprar um filhote, ela só vendia para pessoas que não tivessem crianças em casa, ela tinha muito medo que os cachorros fossem esmagados pelos peraltas...
Imagino que vendo a imagem acima ela deve se desmanchar em lágrimas.

18 comentários:

Tozé Franco disse...

Isto é o que se chama estar metido numa camisa de forças...

Isadora Lis disse...

Pai,
Imagine com que cheiro o cachorrinho ficará quando ela liberar os gases.

Beijos,
Isadora.

lua disse...

Non podo ver a fotografía (sáeme un cadrado cunha x) pero ma imaxino, pobres animaliños.

Dark kisses

Navi Leinad disse...

Pobre animal! Se ela liberar gases são duas situações opostas: 1) o bichinho vai sofrer com o odor; e 2) ele vai poder ser expelido com a força dos gases. Moral da história: é melhor escapar fedendo do que morrer cheiroso!

Kalinka disse...

Sim, concordo que a menina deve se desmanchar em lágrimas...só pode!

Votos de bom fim de semana.
Beijos.

Loredana disse...

notable!
un saludo en español.

Carlos Ponte disse...

Assim, vista por trás, parece a Dona Rosa da Colmeia do Camilo José Cela "D. Rosa vai e vem por entre as mesas do café, tropeçando nos clientes com o seu formidável traseiro". Já se notam, no entanto, alguns problemas de sensibilidade. Devia mudar para um S. Bernardo.
Um abraço,
Carlos Ponte

citadinokane disse...

Loredana,
Obrigado por visitar-me, sempre estou entrando em teu blog sem pedir licença, e gosto de ler os teus posts.
Besos y abrazos,
Pedro

citadinokane disse...

Tozé,
E que camisa de força, hein!!

citadinokane disse...

Isadora,
Engraçadinha, né?!
Beijos filhota,
Papi Pedro

citadinokane disse...

Lua,
Sempre bem vinda.

citadinokane disse...

Ivan,
Vou publicar sobre o Xô Sarney.

citadinokane disse...

Kalinka,
Novamente parabéns pelo novo netinho.
Abraços,
Pedro

citadinokane disse...

Carlos,
Que vontade de conhecer a Dona Rosa da Colmeia do Camilo José Cela...
Um abraço irmão,
Pedro

xienra disse...

oh Dios...!

Nan disse...

a menina pode desmanchar-se em lágrimas...mas olha que os obesos também...:)

bj

gabriela disse...

Qué penita!!!!

beso desde Bcn

marisanblog disse...

Deve tá macio...rsrsrs

Mari