quarta-feira, outubro 04, 2006

Um altar a um deus: Fernando Pessoa.

15 comentários:

Luana Caldas disse...

Acionado...
Divindo...
Diminuindo...

Serve???Tem que obrigatoriamente multiplicar?

As poesias de Fernando Pessoa são maravilhosas.

Mixikó disse...

Excelente escolha.Adoro Pessoa.

Mario disse...

Sinceramente
Não entendi o post
:/
Otima semana

T+

Lila Magritte disse...

Interesante. El altar de la humanidad.
Beijos.

Paola Vannucci disse...

RSRSRSRSRSSRSRSRSRSSRSRSRSRSRSS

ADOREI A HISTÓRIA DO BALDE E O ANÃO....

COMO NÃO PODIA DEIXAR EM LHE DIZER O PESSOA , FAZ PARTE DA MINHA CABECEIRA DIÁRIA.......

MEU QUERIDO,
DEIXO MEU CARINHO PARA QUE VC POSSA FICAR FELIZ, EU VIM AQUI TE LER.......

BJSSSSSSSSS

OLHA A CARA DO ACM DERROTADO FOI A MELHOR, FINALMENTE.......

PAOLA

marisanblog disse...

Pedro,

Não esqueça, conserte o meu link. Insira o blog do Barreto, 5a. Emenda e do Ivan (Revelações de m'Alma, por favor. Estou com sono. Amanhã retornarei,...

Beijos pra você e pro Pessoa

Mari

citadinokane disse...

Luana,
Fernando Pessoa, multiplica a felicidade e bota felicidade aí...
Abraços,
Pedro

citadinokane disse...

Mixikó,
És mulher inteligente.

citadinokane disse...

Mário,
É a paixão pela poesia de Pessoa, que faz a gente edificar um altar pra esse deus da sensibilidade: Fernando Pessoa simplesmente...

citadinokane disse...

Lila,
O altar da humanidade para quem é humanamente sensível...
Besos,
Pedro

citadinokane disse...

Paola,
Para mim todos os poetas são deuses, digamos que no Olimpo da poesia Fernando Pessoa seja Zeus... hehehe... tu Paola, chamaremos de Afrodite(deusa da beleza e do amor), Ivan será Apolo(deus da música, poesia), e se eu fosse poeta neste Olimpo, com certeza seria Dionísio(deus do vinho), ôpa!...
Cadê o néctar dos deuses, rsrsrs... Deixa pra lá...
Sempre bem vinda, leu Walt Whitman?!
Beijos,
Pedro

Carlos Ponte disse...

Por isso é que não sou poeta, só consigo dividir-me.
Viva Pessoa!
Pedro, um abraço,
Carlos Ponte

fgiucich disse...

Un poeta imperdible. Abrazos.

citadinokane disse...

Carlos,
Não sou poeta igual ao amigo.
Somos perdoados pelos deuses, porque gostamos de poesia...
Viva Pessoa!
Abraços,
Pedro

citadinokane disse...

Fgiucich,
Salve os poetas.
Besos y abrazos,
Pedro