terça-feira, dezembro 05, 2006

Periquita, Periquita e mais Periquita...




De tanto comentar sobre o vinho português Periquita, recebi de presente de alunos e amigos cinco garrafas... Oh! meu Deus, terei que fazer esse sacrifício e degustar um-a-um, devagar, e sempre no início da madrugada, escutando Nina Simone... Levantarei várias vezes a taça e brindarei com o deus Dionísio, divagarei nas minhas poucas certezas... urgh!!! Lembrarei de todos os amigos e amigas, trago todos no meu coração... Beijos em todos... - Dionísio põe mais um pouco do néctar na minha taça, por favor!

13 comentários:

Paola Vannucci disse...

Nelito, o saliente, rsrsrs

depois diz para eu tomar cuidado!
Ela anda chio de Periquitas Luzas e eu fico aqui na minha, oh quem fala, rsrsrsrssrsrsrsrsrs

Meu querido, a Nina dá show a qualquer hora, ainda mais apreciando uma Periquita, hummmmmmmmmmmmm....
Aja inspiração.......

Te amo

ah!

Se tiver uma oportunidade escuta Antony and the Jhonsons, ele tem uma vóz incrível, se quezer mande-me seu email para que possa te passar umas músicas boas dele, ele tem uma interpretação de Nina que vc vai adorar....

Beijos

Paola

citadinokane disse...

Paola,
Nina Simone... Periquita... Saliências...
Já tomei dois cálices...
Abraços,
Pedro

Tozé Franco disse...

Depois de toda a publidade à Periquita só falta mesmo uns travesseiros da Piriquita de Sintra.
Um abraço e um brinde com Periquita.

citadinokane disse...

Tozé,
Travesseiros da Piriquita de Sintra??? Explique melhor, é bebida?!

Tozé Franco disse...

Os travesseiros são bolos típicos de Sintra. A Piriquita é a pastelaria que tem mais fama e, para mim, os melhores travesseiros. Já falei várias vezes deles e até já publiquei uma foto (o Moura também).
Vá ver para abrir o apetite para mais um brinde com Periquita.
Um abraço.

citadinokane disse...

Tozé,
Voltarei ao teu blog e desvendarei os travesseiros da Piriquita de Sintra.
Acabo de brindar com Dionísio, e juro que nunca mais beberei um gole de cevada, minha praia agora e para sempre será de preferência os vinhos Periquita e Santa Helena.
Os deuses não erram jamais...

Mixikó disse...

belo post este Pedro...

pelas palavras, pelo vinho...
pelas imagens...consigo até sentir o aroma de Periquita daqui...e consigo ouvir o barulho do papel...ao escreveres estas linhas...papel???
Era bom...já não se usa...teclado eu queria dizer...teclado...

E num remate sereno, oiço a voz de Nina Simone...ahhhhhhhhhh..que maravilha...

União perfeita...entre o HOMEM, a arte(de degustar um bom e belo vinho, sim porque os "olhos" também bebem), e a música...

citadinokane disse...

Mixikó,
És culpada!
Falaste em Periquita, e tudo mudou...

Oh! Dionísio, não deixes que o líquido precioso transborde a taça... Nina, não pára, vai continua cantando... rsrsrs...

marisanblog disse...

Pedro,

Já estás ébri homi!? Rsrsrs

Mari

citadinokane disse...

Mari,
Ok?!

Mixikó disse...

Olá Pedro,
Olha experimenta ver se encontras ai O "Monte velho" da Herdade do Esporão, da região do Alentejo e "Soutinho" de 2003 da região do Douro...são igualmente bons vinhos e não muito caros...beijocas a brindar ao ano que vai entrar...

citadinokane disse...

Mixikó,
Irei procurar o "Monte Velho" e o "Soutinho"...
Cheguei agora em casa, acabou o "Periquita", voltei para o velho e bom "Santa Helena", uma delícia... Huumm...

Mixikó disse...

santa Helena?Vou ver se encontro aqui p experimntar...why not?