sexta-feira, janeiro 26, 2007

Infarto Cerebral


Alexandre Carvalho enviou-me algumas informações de utilidade pública para divulgação, e como se refere sobre o dilema humano: viver ou morrer - vida longa aos blogueiros e amigos!!!

IMPORTANTE
POR FAVOR PRESTE ATENÇÃO

Isto é muito importante e pode salvar a vida de uma pessoa.
Vou copiar a historinha apenas para ilustrar a informação preciosa que será exposta abaixo.


"Durante um churrasco uma amiga tropeçou e caiu no chão suavemente. Ela garantiu aos presentes que estava bem (aos que se ofereceram para chamar por socorro) e que havía tropeçado no ladrilho por causa de seus sapatos novos.
Seus amigos a ajudaram levantar-se e lhe trouxeram um novo prato de comida. Enquanto ela parecia um pouco aturdida, tentou desfrutar da festa durante o resto da tarde.
Mais tarde o marido ligou para seus amigos informando que sua mulher havia sido levada ao hospital (às 18:00 hs ela falecia). Havia sofrido um infarto cerebral durante o churrasco."

Se seu esposo e amigos soubessem como reconhecer um infarto cerebral, talvez hoje ela estivesse entre nós.

____________
Reconhecer um infarto cerebral


Um neurologista afirma que se o chamam dentro das primeiras 3 horas, pode reverter totalmente os efeitos de um infarto cerebral. Afirma que o macete consiste em reconhecê-lo, diagnosticá-lo e dar assistência ao paciente dentro das primeiras três horas.

RECONHECER UM INFARTO CEREBRAL

Lembre-se dos "3" Passos.

Leia e aprenda!

Às vezes os sintomas de um infarto cerebral são difíceis de se identificar.

Infelizmente, a falta de conhecimentos pode ser fatal. A vítima do infarto pode sofrer danos cerebrais se as pessoas que a atenderem não conseguirem reconhecer os sintomas do infarto cerebral.

Atualmente os médicos estabeleceram uma regra para reconhecê-lo mediante três simples perguntas:
1. Solicite ao afetado/a que SORRIA.

2.Solicite ao afetado/a que LEVANTE AMBOS OS BRAÇOS.

3.Solicite a pessoa QUE PRONUNCIE UMA FRASE SIMPLES (Coerente) (por exemplo . . . Hoje é um dia ensolarado)

Se ele ou ela tem dificuldade com qualquer uma destas três provas, chame imediatamente o SOCORRO e descreva os sintomas.
Depois de descobrir que um grupo de voluntários que não são médicos podem identificar debilidade facial, debilidade em braços e debilidade na fala, os pesquisadores apelam ao público em geral para que aprenda estas três perguntas. Uma maior divulgação deste teste pode facilitar um rápido diagnóstico e tratamento do infarto cerebral e evitar danos cerebrais.
Por favor divulguem as informações acima, vidas serão salvas.

2 comentários:

complicadinha disse...

Isso realmente é importante Pedro!! Muito bom, e tudo anotado.

citadinokane disse...

Complicadinha,
Valeu!
Bjs,
Pedro