quarta-feira, março 07, 2007

"Cornos" e pé-direito...


A blogosfera é surpreendente, encontrei o Juca do 5ª Emenda no boteco do Ranulfo e ficamos lá batendo um bom papo, de repente, como diria Vinícius de Moraes, não mais do que de repente, eis que se revela um leitor assíduo do meu blog e do blog do Juca: o insuspeito Dr. Mário Damasceno, causídico muito respeitado no meio profissional, às vezes incompreendido e acusado injustamente de ser o "advogado dos cornos"... Considero essa alcunha de um mau gosto sem precedentes, e reforça a minha percepção de que os invejosos gostam de intrigas... Deixa o homem trabalhar!
Mário não advoga só para corno, para confirmar a minha assertiva basta consultar o Ranulfo. O Mário foi advogado do sempre educado e cortês Ranulfo (dono do boteco, que de vez em quando visito) numa causa trabalhista, dizem as más línguas, o Cabeção está incluído aí, que como o Ranulfo não tinha grana para pagar os honorários advocatícios, fez um acordo com o Mário, um acordo perpétuo, segundo o Tico Futrika: um acordo impoluto e prenhe de juridicidade; Os honorários do Mário são pagos diariamente em cerveja, é isso mesmo! O nosso advogado pode beber duas cervejas por dia e comer um bolinho de carne light.
Que acordo pai-d'égua! Advogado e cliente satisfeitos. Pura felicidade, bem simples... E o Mário continua com clientes infelizes no amor... rsrsrs...
Eu avisei o Mário que iria escrever um post falando dele, ou melhor, falando sobre ele, taí meu irmão!
Para que não paire nenhuma dúvida, o Mário é um cara maravilhoso e muito brincalhão, com certeza deve está se espocando de rir.

Agora prestem bem ATENÇÃO!

SERÁ QUE TEMOS O CONTROLE DO NOSSO PÉ DIREITO?
Se você não conseguir controlá-lo, pelo menos dê umas boas risadas...
Acho que ninguém consegue controlar o seu pé direito.
Quer tentar?
É bem simples, basta prestar atenção nos comandos, ok?
Vamos lá.
Quando você estiver sentado à sua mesa, faça círculos com o seu pé direito no sentido dos ponteiros de um relógio.
Enquanto estiver fazendo isso, desenhe no ar o número 6 com a sua mão direita .
Sabe o que acontece? Ah! Você percebeu?
O movimento do seu pé direito mudou de direção, né?!
Quando você começou a fazer o número 6 no ar com a mão direita, o pé direito começou a circular contrário aos ponteiros de um relógio ...
Não adianta, é o mesmo local do cérebro que comanda...
Pode tentar de novo...
Conseguiu?
Jamais, né?
Impressionante!
Mário pelo-amor-de-Deus, não vai te contudir com essa brincadeira...

4 comentários:

M.S. disse...

as pessoas não sabem como uma mesa de bar pode ser local propício ao desenvolvimento científico.

citadinokane disse...

M.S.,
Inclusive é possível encontrar a solução para a questão Palestina...

Anônimo disse...

Pedro não é dificil, basta fazer o seis a partir da circunferência e depois subir com a perninha.
Elementar meu caro.
Agora se for começar o seis pela perninha, não dá.

Oscar, o velejador

Citadinokane disse...

Oscar,
É começar pela perninha mesmo.
É o movimento anti-horário.
Tentaste pelo menos, né?
Abraços velejador,
Pedro