quarta-feira, abril 18, 2007

Vejo tudo daqui...




Chegou aqui em Plutão uma nave não tripulada, com um dvd com imagens e parte da letra de uma música de Djavan... São imagens que deixam intrigados os plutaneanos ou pluteanos - o povo de Plutão.

Nobreza (Djavan)

Nossa velha amizade nasceu
De uma luz que acendeu
Aos olhos de abril
Com cuidado e espanto eu te olhei
No entanto você sorriu
Concedendo-me a graça de ver
Talhada em você
A nobreza de frente
O amor se desnudando
No meio de tanta gente...
(...)
E sentir a alegria de ver
A mão do prazer
Acenando pra gente
O amor crescendo, enfim
Como capim pros meus dentes...

14 comentários:

coração disse...

Pedro, hoje vou entrar de coração, que nem o que você colocou ai. Explodindo de despedaçado. Por isso o pseudônimo. Mas a passagem por aqui é obrigatória porque tenho que visitar o povo de além de mar e de São Paulo. Ai, deixo sempre, todos os dias, umas palavras, uns poemas, frases, coisas miúdas e singelas para um grande amigo. Tesouro raro hoje em dia. Esse Plutão é mesmo aquilo p..... Mas, você também está marcando o seu território. E isso é muito bom.
Bjs. C

Felícia Feliz disse...

Oi, querido!
Andei sumida, mas estou de volta, rsrsrs.
Beijos!!!!!!!!

Segredos da Esfinge disse...

Pedro,

Vim pedir permissão para "furtar" este coração.
Darei os créditos para seu "coração".
Bjos

J@de disse...

Essa é a música do meu melhor amigo!!
Beijos!!

Lila Magritte disse...

Maravilloso, Pedro, ese corazón que estalla.

Abrazos y besos.

Lisânia disse...

Nelito, que lindo os golfinho a pular...muito fofo este post...Lá em Natal a gente vê isso ao vivo e pense numa coisa linda?
abraços

citadinokane disse...

Cris,
O ditado chinês é diamante puro:"As mãos que enviam flores, são as primeiras a ficarem perfumadas".

citadinokane disse...

Felícia,
Prometo, irei te visitar assim que eu me livrar de uma montanha de livros, ok?!
Obrigado pela visita.

citadinokane disse...

Segredos,
O coração é da blogosfera, portanto, nosso.
Leve tudo!
Beijos

citadinokane disse...

Jade,
Ela é minha também.

citadinokane disse...

Lila,
Meu coração, estala a todo momento... sério!

citadinokane disse...

Lisânia,
Aqui no Marajó, a gente vê os botos... É lindo demais.

Lisânia disse...

profe, seguinte:
Eu já estive no marajó três vezes e não vi nehum boto...rsrsrsrsrs das duas uma, ou eles não gostam das loiras ou ficaram com medo do meu bofe rsrsrsrs
abraços

citadinokane disse...

Lisânia,
Não acredito!