domingo, maio 20, 2007

Feliz da vida

O meu amigo Locobueres, peito estufado e feliz da vida...
Em sua camisa está dito tudo, fotografei e fica registrado agora na blogosfera.
Será mensagem cifrada para Vera Saavedra em São Paulo?!
Não sei, mas como o gajo faz referência a esse amor distante, ops, a essa amizade distante.
Foi uma tarde de muita conversa e um plangente violão.

4 comentários:

Segredos da Esfinge disse...

Ai, ai.
Isso que é homenagem.
Bjos

Cris disse...

É mesmo...sempre faltando pedaços...

Bjs.

citadinokane disse...

Esfinge,
Estou me sentindo um pombo-correio.
Mas, valeu!

citadinokane disse...

Cris,
"Devolva o Neruda que você me tomou e nunca leu... Eu bato o portão sem fazer alarde, eu levo a carteira de identidade, uma saideira e muita saudade, e a leve impressão de que já vou tarde..."
Uma camiseta com o Chico Buarque, fica em pedaços mesmo.