terça-feira, julho 24, 2007

Adios, bambinos!

Segundo a nota divulgada pela assessoria do Incor, ACM morreu às 11h40 de sexta-feira(20/jul) "em decorrência de falência de múltiplos órgãos secundária à insuficiência cardíaca".
Não conheci pessoalmente o senador baiano ACM, alguns relatos dão conta que era uma "flor" no trato com as pessoas humildes...
Não fiquei feliz com a morte desse velhinho bonachão, quero falar daquele outro personagem que ACM encarnava com desenvoltura, nos anos 60, 70 e 80, o "Toninho Malvadeza", perseguindo e maltratando os desafetos políticos numa época da covardia, os militares eram os seus fiadores... e como ele era valentão...
Chico Buarque sabia o que falava em "Vai passar " um samba enredo que ele e Francis Hime fizeram, que contava toda repressão da ditadura militar e a esperança de que os ditadores e usurpadores do poder popular um dia iriam passar...
ACM já passou, está faltando José Sarney, Jorge Borhausen... eles irão passar...
Meu Deus, vem olhar, vem ver de perto uma cidade a cantar...
Vai Passar (Chico Buarque e Francis Hime)
Vai passar nessa avenida um samba popular
Cada paralelepípedo da velha cidade essa noite vai se arrepiar
Ao lembrar que aqui passaram sambas imortais
Que aqui sangraram pelos nossos pés
Que aqui sambaram nossos ancestrais
Num tempo página infeliz da nossa história,
passagem desbotada na memória
Das nossas novas gerações
Dormia a nossa pátria mãe tão distraída
sem perceber que era subtraída
Em tenebrosas transações
Seus filhos erravam cegos pelo continente,
levavam pedras feito penitentes
Erguendo estranhas catedrais
E um dia, afinal, tinham o direito a uma alegria fugaz
Uma ofegante epidemia que se chamava carnaval,
o carnaval, o carnaval
Vai passar, palmas pra ala dos barões famintos
O bloco dos napoleões retintos
e os pigmeus do boulevard
Meu Deus, vem olhar, vem ver de perto uma cidade a cantar
A evolução da liberdade até o dia clarear
Ai que vida boa, o lelê,
ai que vida boa, o lalá
O estandarte do sanatório geral vai passar
Ai que vida boa, o lelê,
ai que vida boa, o lalá

30 comentários:

David Carneiro disse...

Morreu quem nem devia ter nascido

Priscila disse...

Não posso dizer que fiquei feliz com o falecimento do ACM, mas dizer que fiquei triste... é também um absurdo!

Chico Buarque é Chico Buarque!

Inté

Mixikó disse...

Estou com a Priscila...Chico Buarque é Chico Buarque...
Best

Cleopatra disse...

Bom eu não sentia falta dele nem vivo, quanto mais morto....Espero ver o fim do Sarney...um ditador, quem conhece o Maranhão sabe do que estou falando...

Bjim Pedro...

Cleopatra disse...

Bom eu não sentia falta dele nem vivo, quanto mais morto....Espero ver o fim do Sarney...um ditador, quem conhece o Maranhão sabe do que estou falando...

Bjim Pedro...

Cleopatra disse...

Bom eu não sentia falta dele nem vivo, quanto mais morto....Espero ver o fim do Sarney...um ditador, quem conhece o Maranhão sabe do que estou falando...

Bjim Pedro...

Cleopatra disse...

Bom eu não sentia falta dele nem vivo, quanto mais morto....Espero ver o fim do Sarney...um ditador, quem conhece o Maranhão sabe do que estou falando...

Bjim Pedro...

David Carneiro disse...

Ao mesmo tempo do ocaso, inclusive eleitoral, de gente como ACM, novas lideran�as, comprometidas com a justi�a social e com a soberania de seus pa�ses est�o surgindo no nosso continente. A� vai o exemplo de uma delas:

http://br.youtube.com/watch?v=TtTQ9aJiK9U

dirceu franco disse...

Pedro,

Concordo com você, estão faltando passar Lula, José Dirceu, Renan Calheiros, Fidel Castro, Hugo Chavez, Evo Morales, José Rainha, Jáder Barbalho, Stedille, Toda a cúpula do MST, entre muitos outros que tomaram de assalto a Administração Pública...

Tomara que passem logo: dessa pra melhor ou, no caso dos citados acima, para uma bem pior...

Um abraço.

Amanda_Bia disse...

pois eh.. ele se foi!
adoro o chico!
bejus!

Mari disse...

Pedro,

Concordo em gênero, número e grau com Dirceu Franco. É isso "mermão", e deixa o "homi discançá", se é que pode, rsrsrs

Bjs

Patrícia Gabriela disse...

A única imagem q tenho do ACM são os relatos de tudo o q ele fez na Bahia na época da ditadura, perseguindo e matando inumeras pessoas por discordia politica. Já foi tarde, mas ainda bem q os portões lá de baixo estão abertos esperando os que restaram. Deus me perdoe por fazer julgamentos, mas nesse caso faço!

Chico = indefinivel =)

Fica em paz! Beijos^^

Priscila disse...

De repente fico aqui pensando: "como alguém de vida público, um político pode ser tão odiado e tão amado ao ponto de ser eleito, eleito e eleito?"
Penso em alienação, falta de instrução ou visão política... Deve haver uma explicação minimamente lógica.

A questão que ainda me assalta é onde iremos parar? O que nos fará melhores? Não quero ser um SUPER-potência, mas quero apenas um país digno, cidadania e direitos para todos, e como bem lembrou o David Carneiro, com justiça social...

Será que é tão difícil assim???

Abraços...

citadinokane disse...

David,
Aí a dimensão humana, que às vezes os ditadores de plantão esquecem, todos morrem... uns são esquecidos pela história, outros permanecerão como as estrelas polares, orientando a nossa caminhada...

citadinokane disse...

Priscila,
Confessa, deu aquela vontade de soltar um grito: - toma fdp!
E Chico é Francisco de Buarque!
Beijos,
Pedro

citadinokane disse...

Mixikó,
É o cronista da vida brasileira...
Beijos querida lisboeta,
Pedro

citadinokane disse...

Cleopatra,
Que vá o Sarney e Viva o Maranhão Libre!!!

citadinokane disse...

David,
Estás falando de Rafael Correa, presidente do Equador.Certo?
Soy loco por ti América!
Abraços hermano,
Pedro

citadinokane disse...

Dirceu,
Hermano, o David reclamou, porque pegaste pesado com os ídolos dele, tu sabes que o cara é bolivariano...

citadinokane disse...

Amanda,
Graças ao bom Deus que ele se foi, tudo tem o seu tempo, o dele passou, passou...
Por isso o Chico está cantando "vai passar"...
Beijos,
Pedro

citadinokane disse...

Mari,
Aborreceste o bolivariano David e uma "porrada" de gente... O Xico Rocha tá puto!

citadinokane disse...

Gabi,
Falou e disse: - já foi tarde!
Pergunta pro Chico o que ele achou da morte do ACM, a resposta será "vai passar"...
Beijos,
Pedro

citadinokane disse...

Priscila,
Eleito, eleito... Curral, curral...
Era Casagrande(ele) e Senzala(nós), ferro no ferro e sem perdão, ódio, ódio... e muita ganância.
Como disse o David: - Morreu quem nem devia ter nascido.
Esfria a cabeça, ainda falata o Borhausen e Sarney.

David Carneiro disse...

Dirceu, não me consta que o Evo Morales tenha tomado de assalto a administração pública. Muito pelo contrário. Recuperou essa administração aviltada pelas empresas transnacionais e governos neoliberais. E hoje segue fazendo coisas inimagináveis a alguns anos, com o recém-criado fundo social oriundo dos recursos dos hidrocarbonetos e o combate ao analfabetismo em cochabamba. O mesmo vale para Hugo Chavez na Venezuela.
Pude acompanhar essa experiencia de perto. Lá o assalto à administração publica tem feito o povo comer melhor, ter a chance de estudar e poder participar efetivamente das decisões no seu país, como ignora a pretença democracia liberal.
No Brasil, apesar dos erros gravíssimos cometidos por alguns sem-terra, não se pode ignorar que o MST tem sido veículo importante na luta pela reforma agrária. Também tive a oportunidade de conhecer alguns assentamentos aqui no Pará, onde pessoas antes completamente marginalizadas pela nossa sociedade estão tendo a oportunidade de estudar e produzir. Entre o Latifundio escludente e o MST, não tenho dúvidas de qual deve realmente passar. Acho que a historia mostrará bem isso.
No mais, tem minha plena concordância. Também quero que Lula passe, mas que venha algo melhor e não o atraso que governou antes dele e do qual em certa medida ele também faz parte.
Mas se queremos que ACM realmente passe, acho que não podemos continuar reproduzindo as opniões que ele defendia no congresso e em seus jornalões. Senão teremos a mesma política, ainda que com métodos mais modernos.

dirceu franco disse...

David,

Não quero polemizar com ninguem, opinião e lingua são iguais: cada um tem a sua. Só espero respeito e tolerância, coisa que muitos dos que citei não tem.

Com relação ao "hermano" Ervo, só tenho uma coisa a dizer: trata-se de um idiota que não respeita contratos e afunda ainda mais a já miserável Bolívia porque coloca em cheque a segurança jurídica naquele país. Aliás cabe um pergunta: se fosses empresário, voce investiria naquele país?

Sobre o MST, os odeio mesmo e tenho motivos reais (experiencia própria) e não filosóficos para repudia-los. Alías, o MST já perdeu sua real essência há muito tempo, hoje não passam de um grupo de vagabundos armados que usam a fraqueza do governo federal, que se ajoelha para eles, para conseguirem o que querem, humilhando as instituições e sociedade civil, principalmente a classe média, que sustenta o Erário público.

No mais, tambem detestava o ACM, mas já que ele se foi que descanse em paz, se for possível...

Um abraço Pedro we David.

PS. Desculpem os erros, mas meu teclado está com bug na acentuação

dirceu franco disse...

PS. Esqueci do Hugo Chavez, opa, na verdade não esqueci não, como ele é totalmente doente mental ele é juridicamente incapaz...

CHAMEM O SÍNDICO!!!

Um abraço.

Anônimo disse...

Pedro,

Continuo com o Dirceu...

Ademais, sararão...

Bjs

Mari

David Carneiro disse...

Dirceu, polemizar sempre é bom, ainda mais em um tema relevante como esse.

Bem, muita dessa "segurança jurídica", que foi construída durante a década de noventa, se deu às custas de outros tipos de insegurança, alimentar e educacional principalmente. Mudar os marcos fundamentais de um modelo econômico que só gerou miséria e espoliação não me parece nenhum tipo de idiotia, muito pelo contrário. Acho que esse adjetivo só serve para caracterizar os multimilionários e políticos que enriquecem às custas do seu povo. Acho que a sua pergunta pode ser respondida pelas inúmeras empresas que continuam investindo na Bolívia, como a espanhola Repsol e as empresas brasileiras de Eike Batista, que inclusive já tiveram duros embates com o governo. O que não podemos é continuar a subjugar um povo a todo o tipo de exploração em nome de uma "estabilidade" ou "segurança" que não se materializa em dignidade humana. Apóio as reformas que Evo Morales está promovendo e acho que todos aqueles que se preocupam com o "afundamento da miserável bolivia", para além de uma distante opnião, deveriam apoiar também.

Sobre o MST, respeito os seus motivos para odiá-lo. Como disse, existem práticas inaceitáveis e até mesmo criminosas dentro do movimento. No entanto, universalizar uma experiência particular a uma análise de conjuntura política é tão perigoso quanto equivocado. Todas as instituições ou entidades civis possuem contradições, o que não anula seu sentido histórico e sua finalidade política. Se não existisse MST no Brasil não teríamos conseguido vários avanços na Reforma Agrária. E não são só motivos filosóficos. Experiencias de Assentamentos como "João Batista" e "Mártires de Abril" que estão tão próximos de nós, são exemplos concretos de como os "vagabundos fardados" conseguiram recuperar a dignidade humana de muita gente.

Por sua vez, caracterizar previamente Hugo Chavez de doente mental, a despeito de uma análise sobre o seu governo, ou sobre a conjuntura política venezuelana, contrapõe-se a sí mesma. E também não me parece um exemplo de tolerância política.

Aliás, como a história mostra, falta mais tolerância do outro lado. Do lado dos latifundiários que só no Pará mataram mais de 700 sem-terra, dos empresários e políticos que tentaram um golpe contra Hugo Chávez, eleito por eleições livres e limpas (segundo organismos internacionais) ou por algumas comunidades ricas da bolívia, que iniciaram movimentos separatistas quando da vitória de Evo, só porque não ganhou o candidato de sua preferência.

No mais, um grande abraço Pedro e Dirceu.

dirceu franco disse...

É David polêmicas são polêmicas...

Só mesmo com música pra resolver:

"Meus heróis, morreram de overdose, meus inimigos estão no poder!!! Ideologia, eu quero uma pra viver..."

Um abraço Pedro e David.

citadinokane disse...

Dirceu e David,
O debate foi abençoado pela blogosfera...
Abraços,
Pedro