quinta-feira, julho 31, 2008

Pronto pro amor...

"Todo mundo é parecido
Quando sente dor
Mas nu e só ao meio dia
Só quem está pronto pro amor..." Roberto Frejat

Quando o tempo me abraça preguiçosamente, vou lendo outros blogs e descobrindo outras emoções... Descobri ou fui descoberto por Solange Mazzeto? Não interessa. O mais importante - nos descobrimos... nos descobrimos pensando no labirinto da alma humana, nos descaminhos do relacionamento humano, na fragilidade dos laços humanos em plena sociedade globalizada.
Tenho ficado atento aos movimentos da maré, e percebo como os relacionamentos duradouros são cada vez mais raros. Se alguém consegue compartilhar dez anos de convivência plena com outra pessoa, parece um evento estranho para a nossa sociedade atual, é incrível!!!
Ainda gosto de pensar que podemos caminhar devagar, reparando na paisagem do caminho, apesar de todo o corre-corre de nossas vidas, é possível construirmos um oásis nesse deserto, e seguirmos adiante...
Fica a letra de Frejat para pensarmos.
Poeta Está Vivo (Roberto Frejat e Dulce Quental)

Baby, compra o jornal
E vem ver o sol
Ele continua a brilhar
Apesar de tanta barbaridade...

Baby escuta o galo cantar
A aurora de nossos tempos
Não é hora de chorar
Amanheceu o pensamento...

O poeta está vivo
Com seus moinhos de vento
A impulsionar
A grande roda da história...

Mas quem tem coragem de ouvir
Amanheceu o pensamento
Que vai mudar o mundo
Com seus moinhos de ventos...

Se você não pode ser forte
Seja pelo menos humana
Quando o papa e seu rebanho chegar
Não tenha pena...

Todo mundo é parecido
Quando sente dor
Mas nu e só ao meio dia
Só quem está pronto pro amor...

O poeta não morreu
Foi ao inferno e voltou
Conheceu os jardins do Éden
E nos contou...

Mas quem tem coragem de ouvir
Amanheceu o pensamento
Que vai mudar o mundo
Com seus moinhos de ventos...

10 comentários:

Kiara Guedes disse...

Amigo, estava com saudade!!!... Mas agora já me atualizei de vc... Bjs

Monika Baumann disse...

Oi! Tem presente pra ti lá no Toques. Bjuuu

http://monikabaumann.blogspot.com/2008/07/reconhecimento-sempre-um-prazer.html

Codinome Beija-Flor disse...

Pedro,
De dor a sua amiga aqui entende.
Mas, cheia de esperança pra um dia, quem sabe, "Pronta pro amor ao meio dia".
Bjos

Rafaela Palmeira disse...

Sabe, às vezes eu esqueço desse amor... e o teu post me fez, envergonhada, reconhecer isso e refletir MUITO sobre...



"Baby, ele continua a brilhar apesar de tanta barbaridade..."

Obrigada =]

elvira carvalho disse...

Depois de uma cirurgia, estou voltando aos poucos a visitar os amigos.
Um abraço

citadinokane disse...

Kiara,
Sempre bem vinda!
Beijos,
Pedro

citadinokane disse...

Monika,
Muito obrigado querida, já peguei!
Beijos,
Pedro

citadinokane disse...

Beija,
Só se for ao meio-dia... rsrsrs...
Beijos

citadinokane disse...

Rafa,
Ele continua a brilhar... apesar de tudo.
Beijos

citadinokane disse...

Elvira,
Pôxa! Estás te recuperando, nada de ficar diante do computador , hein?! Tempo de descansar e retornar com saúde plena.
Beijos