quarta-feira, dezembro 17, 2008

Quem chegar perto pega fogo

O post de hoje é em homenagem aos que insistem que o Citadinokane deve manter o blog no ar, e dentre os muitos amigos virtuais um se destaca pela generosidade, estou falando da querida Beija-flor. É para ti o post, ok?!
Vai aqui uma historinha que li para a minha filha na hora de dormir, curtinha e muito interessante, como tudo o que Eduardo Galeano escreve.
-> O MUNDO
Um homem da aldeia de Neguá, no litoral da Colômbia, conseguiu subir aos céus.
Quando voltou, contou. Disse que tinha contemplado, lá do alto, a vida humana. E disse que somos um mar de fogueirinhas.
- O mundo é isso - revelou. - Um montão de gente, um mar de fogueirinhas.
Cada pessoa brilha com luz própria entre todas as outras. Não existem duas fogueiras iguais. Existem fogueiras grandes e fogueiras de todas as cores. Existe gente de fogo sereno, que nem percebe o vento, e gente de fogo louco, que enche o ar de chispas. Alguns fogos, fogos bobos, não alumiam nem queimam; mas outros incendeiam a vida com tamanha vontade que é impossível olhar para eles sem pestanejar, e quem chegar perto pega fogo.(extraído d'O Livro dos Abraços, de Eduardo Galeano, Ed. L&PM)

8 comentários:

Codinome Beija-Flor disse...

DEUS do céu, assim apago meu fogo de tanto chorar.
Que lindooooo.
Ai, ai, ai... meu coração tá pulando de felicidade.
Bjo nesse coração tão lindo

Codinome Beija-Flor disse...

Ah! o que mais me chamou atenção ainda foi o título do livro.
"O Livro dos Abraços", você sabe bem o quanto significa um abraço para mim, já falei várias vezes sobre o tema.
Meu maior abraço para você, com toda admiração, respeito, carinho.
Bjos

elvira carvalho disse...

O livro dos abraços. Para mim o abraço é uma coisa sagrada. É uma doacção de quem abraça a quem é abraçada. Daí que o titulo do livro só por si já seja de entusiasmar. E depois essa historinha é linda. Obrigada pela partilha.
Um abraço e boas festas junto daqueles que ama.

citadinokane disse...

Beija,
Talvez o melhor fosse "voando" de felicidade...

citadinokane disse...

E mereces todos os abraços fraternos.

citadinokane disse...

Elvira,
A partilha é necessária para que melhoremos o mundo.
E que também os festejos natalinos sejam repletos de felicidade.
Abraços,
Pedro

Codinome Beija-Flor disse...

Já consegui o meu "Livro dos abraços", li quase tudo.
Nesse final de semana vi o fogo (literalmente de uma lareira), lembrei o tempo todo desse post.
Me perguntei tantas vezes se sou fogo que mata ou aquece, nenhuma resposta encontrada, mas o coração voltou aquecido.
Bjos

citadinokane disse...

Beija,
Que bom que o coração voltou aquecido... Aquecido todo em 2009, ok?
bjs