quinta-feira, março 19, 2009

Com a mesma medida que julgaste, serás julgado...

Quero me posicionar em relação a um tema que tomou as manchetes dos jornais de Belém do Pará na semana passada - a Pedofilia. Em meu coração não existe espaço para perdoar quem abusa de crianças...
Mas, mantenho sempre a cautela para o denuncismo açodado.
A "CPI da Pedofilia do Senado" esteve aqui em nossa cidade apurando as denúncias sobre políticos e outras pessoas envolvidas com o abuso sexual de crianças, estardalhaços à parte da imprensa, o senador Magno Malta com mãos firmes conduziu a tomada de depoimento das pessoas acusadas. Fiquei surpreso com a acusação de que o saxofonista Yuri Guedelha praticara com a própria filha de 5 anos atos libidinosos. Conheço Yuri, não é meu amigo, mas é uma pessoa muito amável, salvo melhor esclarecimento foi acusado pela ex-mulher. Vou ficar esperando o desenlace de toda a investigação e tomara que não seja verdadeira a acusação, tomara!
Yuri é um músico reconhecido pelo trabalho que faz em favor da divulgação do "choro" paraense, professor universitário com mais de 20 anos de labuta na música instrumental.
Enquanto persistir a dúvida e nada ficar devidamente comprovado, peloamordedeus não julguemos precipitadamente o Yuri, é necessário garantir o amplo direito de defesa.
Rezo para que tudo não tenha passado de um mal entendido, caso contrário inevitável a decepção...

10 comentários:

Anônimo disse...

Pô, companheiro, eu também tenho acompanhado atentamente essa questão da pedofilia, mas não ouvi nem li em nenhum momento nada sobre essa acusação que recaí no Yuri Guedelha. Ouvi comentários sobre o Cipriano Sabino...
Se for verdade, realmente será o fim.
Valha-nos quem...
Nilton Atayde

Ivan Daniel disse...

Pedro, não tava sabendo sobre o Yuri Guedelha. Vamos ficar na torcida pra que seja um grande mal entendido mesmo.

Anônimo disse...

Pedro ,
No blog do Juca tem um comentário que o Yuri foi inocentado parece que foi coisa de ex-mulher.
É , amigo ,praga de ex-mulher e ainda se baixinha é de lascar.
Abs Taddeu

citadinokane disse...

Nilton,
Havia a acusação da ex-mulher. Mas, conversei com o Jordy, recebi uma ótima notícia - não existem provas e a pessoa que acusou não teve como sustentar a acusação, por isso o Yuri foi excluído da investigação.
abraços

citadinokane disse...

Ivan,
Foi um grande mal entendido.
Que assim seja!

citadinokane disse...

Tadeu,
Ahahaha...
Valeu!
Que Deus nos livre de amores magoados, né?
abraços

Anônimo disse...

É parece que no caso de meu amigo Yuri posso dizer que esta acusação esta parecendo um fenomen que ultimamente tem surgido muito nos tribunais que é falsas acusações de abuso com o intuito de defamar e prejudicar o ex-compenheiro apena para se vingar de traição e o mais triste é que esta mãe usa o filho........Este fenmeno que ocupa cada vez mais os tribunais se chama Alienação Parental que é um processo que consiste em programar uma criança para que odeie um de seus genitores sem justificativa. Ou seja a mãe para afastar filho do pai ( falo mãe porque 90% da guarda dos filhos em separação cabe a mãe)através de impo-la falsas memórias e a induzir que o pai fez algo errado apena com o objetivo de desmoralizar o genitor.Inclusive a Desembargadora de Porto Alegre Dr. Berenice chama a atenção do meo jurídico para este fenmeno.E bos Nos Estados Unidos e no Canadá, cada vez mais os tribunais reconhecem a existência de danos causados aos filhos vítimas da Síndrome da Alienação Parental, e consideram isto nos seus julgamentos. É como o nobre companheiro citadinokane disse para a gente não julgar porque de repente quem ta cometendo abuso (psicologico) com a criança é a mãe conforme fala os estudiosos desta síndrome

Anônimo disse...

Muito Bem anonimo das 13:09. E isto mesmo trabalho no tribunal de Justiça é é alarmante o número de falsas acusações de abuso que as ex- fazem por raiva aos ex-companheiros.. ESta Sinrome da alienação Parental é cada vez mais frequente... Por isto que não devemos julgar ninguém!!!!Sei o que ex-mulher é capaz de fazer digo pór experiência própria inclusive tem um site chamado Pais por Justiça que mostra a quantidade de pais falsamente caluniado e que foram afastad de seus filhos... Não conheço o Yuri mas varias pessoas me disseram que ele era pai e mãe daquela criança. Por isto que não quero mais casar ...Este Sr. yuri tem minha solidariedade e sei o quanto as ex- podem fazer mesmo que atinjam os filhos no intuito de depreciar o ex-marido. É ela que ta comentendo abuso contra esta criança de também sei quantos advogfados, desembargadores e juiz existe na família da ex- mulher do músico Yuri Guedelha. Então.....abnram o olho e não jugue!!!

citadinokane disse...

Anônimo 13:09,
Sempre devemos resguardar a criança, sempre!

citadinokane disse...

Anônimo 14:23,
Não sejamos sectários também, não deixe de casar, existem mulheres maravilhosas e super sensíveis dando bola por aí...