quinta-feira, junho 11, 2009

PEC 12/06 e nariz de palhaço.

Cara de palhaço, será esse o meu fim... Agora cada cidadão pode pegar o seu nariz de palhaço, caso tenha que receber do Estado ou Município alguma grana por precatório.
Precatório?
Explico.
Precatório é uma requisição de pagamento de quantia a que a Fazenda Pública foi condenada em processo judicial. Esta requisição de pagamento é encaminhado pelo Juiz da execução para o Tribunal de Justiça. Aí as requisições recebidas no Tribunal até 1º de julho de um ano, são autuadas como Precatórios, atualizadas nesta data e incluídas na proposta orçamentária do ano seguinte. O prazo para depósito, junto ao Tribunal, dos valores dos precatórios inscritos na proposta de determinado ano é dia 31 de dezembro do ano para o qual foi orçado.
Pelo Brasil a fora o nariz de palhaço vai vender para garaio!
O Senado aprovou em dois turnos, no último dia 1º de abril (justamente no dia da mentira!!!), a Proposta de Emenda à Constituição 12/06, conhecida como PEC dos Precatórios, é a emenda que altera totalmente a sistemática de pagamento de precatórios.
mermão! Quem tem dinheiro pra receber dos Estados e Municípios tá ferrado... Os senadores resolveram quebrar galho de administradores incompetentes, que arrepiaram com a cidadania e depois mandaram todo mundo tomar no fiofó e não acontece nada com eles, peloamordedeus!!!
Essa PEC 12/06 é de autoria do ex-presidente do Supremo Tribunal Federal, o ministro Nelson Jobim, foi apadrinhada pelo senador Renan Calheiros, estão lembrados dele? Aquele que rolava e ralava com a jornalista gostosóia de Brasília...
A PEC 12/06 institucionalizará mais um calote público, o primeiro e o segundo calote remontam à moratória de 1988 (pagamento das dívidas públicas em oito anos); e à moratória da Emenda Constitucional 30/00 (pagamento das dívidas públicas em 10 anos). Estatísticas demonstram, caso a PEC 12 seja aprovada definitivamente, alguns municípios levarão dezenas de anos para quitar o pagamento do estoque atual de precatórios. O Estado do Espírito Santo levaria precisos 140 anos para saldar as dívidas atuais perante os respectivos credores, coitados dos velhinhos Capixabas...
A PEC 12 viola disposições constitucionais pétreas, a exemplo do direito adquirido e da coisa julgada, atingindo, até mesmo, o ato jurídico perfeito, garantias previstas na Constituição Federal de 1988 em seu artigo 5º, inciso XXXVI.
Abaixo fica a letra de Haroldo Barbosa e Luís Reis e um nariz de palhaço, ahahaha...

Palhaçada (Haroldo Barbosa e Luis Reis)

Cara de palhaço, pinta de palhaço, roupa de palhaço
Foi esse o meu amargo fim...
Cara de gaiato, pinta de gaiato, roupa de gaiato...
foi o que eu arranjei "pra" mim...

Estavas roxa por um "trouxa"
"pra" fazer cartaz.
Na tua lista de golpista,
tem um bobo a mais...

Quando a chanchada deu em nada,
eu até gostei.
E a fantasia foi aquela que esperei.

Cara de palhaço, pinta de palhaço, roupa de palhaço
Pela mulher que não me quer...
Mas, se ela quiser voltar "pra" mim,
vai ser assim...
cara de palhaço, pinta de palhaço...
até o fim...

Estavas roxa ... roxa por um "trouxa"
"pra" fazer cartaz.
Na tua lista de golpista,
tem um bobo a mais...

Quando a chanchada deu em nada,
eu até gostei.
E a fantasia foi aquela que esperei.

Cara, cara, cara de palhaço, pinta, pinta de palhaço, roupa de palhaço
Pela mulher que não me quer...
Mas, se ela quiser voltar "pra" mim,
vai ser assim...
cara de palhaço, pinta de palhaço...
até o fim...

(1961)

Nenhum comentário: