quarta-feira, fevereiro 23, 2011

Apoteose da dengue: Belém.

A dengue começa a assustar a todos, sem escolher classe social, totalmente democrática...
Há seis anos com a eleição de Duciomar Costa para a Prefeitura de Belém, houve um relaxamento no combate ao mosquito da dengue... Era para ter prosseguido o trabalho do prefeito anterior - Edmilson Rodrigues.
Acima uma fantasia sobre a charge do artista André Abreu. Os mosquitos dominam o prefeito Dudu - a apoteose da dengue. Infelizmente! 

8 comentários:

Anônimo disse...

thanks for this tips

citadinokane disse...

Anônimo,
De nada.

as-nunes disse...

Como vai a vida, Pedro?

Parece que às voltas com esses mosquitos que transmitem a doença de dengue?

É útil alertar para a necessidade de não descurar a prevenção sanitária. Já temos tantos problemas para nos afligir, aqueles que não podemos prever, que é lamentável deixar andar.

Abraço

citadinokane disse...

António,
Andamos por aqui com medo desses seres que voam e picam...
Estou quase fechando as tuas encomendas e não irá demorar para receberes o livro do poeta.
abraços,
Pedro

Augusto Nunes disse...

Meu Mestre e Guru.

Situação mais do que preocupante, isto porque o problema maior não é agora. O ciclo da proliferação do Aedes Aegypti é agravado na transição entre o inverno e o verão amazônico quando as poças d'água não transbordam mais com a diminuição das chuvas. Creio que se não for tomada as devidas providências, tanto nas responsabilidades do Poder Público assim como da sociedade, poderemos ter uma epidemia de dengue na região metropolitana de proporções tranzamazônica.

Recomedo relente desde já. É melhor prevenir...

Abraços

Augusto

Augusto Nunes disse...

Meu mestre

Perdão pelo erro mas "Transamazônica" é com S e não com Z como grafei anteriormente.

citadinokane disse...

Augusto,
Só vou te dizer uma coisa: - Esse carapanã pica!

citadinokane disse...

Augusto,
Numa boa! Evita essa picada mortal!